Divulgar a Poesia: ‘Acreditar’ de Frederico de Castro

10990022_425809227585521_5455512395502920960_n

Eis-me aqui

em ti pernoito

na morada do teu silêncio

ousando errático um gracejo

plasmático teu

nos braços ávidos deportar

os afáveis e fecundos méritos

de uma eternidade sem fim

onde te cortejo

estupefacto e consolado

sem nada mais que o teu sorriso

assim me afague abrasivo

mil e tantas loucas labaredas

assim me aticem contemplativo

– Que no interior de nós

se acendam imensas

fugazes e até audazes

manhãs anónimas e curativas

com sentido e sabor atónito

na euforia torrencial festiva

de um pequeno gesto

desta Terra generosa

quando cai a chuva furtiva

e se faz torrencialmente vida

e cordialmente desfruto

com primores de poesia

esta imensa e desesperada

saudade efusiva

 

Frederico Fernandes

Ω

Leiam ‘O momento no tempo’ de Frederico Fernandes aqui… e sigam o poeta aqui…

ΩΩ

Comenta, Partilha, Contribui. Lê as condições na página ‘Divulgar a Poesia‘ e envia um e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

ΩΩΩΩ

Encontram-me aqui:

sarafarinha.wix.com http://sarinhafarinha.wordpress.com sara.g.farinha@gmail.com@sara_farinha  goodreads_Sara Farinha  facebook  google+ sarafarinha  Pinterest youtubetumblr-icon

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Divulgar a Poesia com as etiquetas , , , , , . ligação permanente.

Deixem aqui os vossos comentários ou enviem e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s