‘Duas penas’ de Sara Farinha

1601241_648482815208326_1092380830_n
Eram dois, em si, um só.
Dois pássaros, duas penas,
Duas açucenas.
Um apenas,
Duas metades obscenas.
Apenas um, serás tu apenas?
Duas rochas, duas pedras,
Duas madalenas.
O único,
Duas partes, duas cenas.
Compostas num,
Juntas, apenas,
Eram um, duas verbenas,
Juntas são um,
Separadas nenhum,
Existem apenas.
 

Sara Farinha

ΩΩΩΩGostaram deste poema? Então subscrevam este blogue e recebam todas as novidades por e-mail.ΩΩEncontram-me aqui:sarafarinha.wix.com http://sarinhafarinha.wordpress.com sara.g.farinha@gmail.com@sara_farinha  goodreads_Sara Farinha  facebook  google+ sarafarinha  Pinterest youtubetumblr-icon
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sara Farinha com as etiquetas , , , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a ‘Duas penas’ de Sara Farinha

  1. Olá! Tudo bem contigo?
    Comecei esse domingo querendo conhecer e visitando alguns blogs bacana! Que legal sua ‘casinha’… Parabéns! Já estou seguindo à partir de hoje… Uhuuuu!
    Estendo aqui o convite para você conhecer a minha: http://www.andrehotter.com 🙂
    Bom, desejo um ótimo termino de final de semana e sucesso sempre com o blog!

    HuG!
    👻 Snapchat: andrehotter
    📸 Instagram: @andrehotter

Deixem aqui os vossos comentários ou enviem e-mail para: sara.g.farinha@gmail.com

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s