Arquivo da Categoria: Luís Vaz de Camões

‘Nunca estamos contentes’ de Luís de Camões

  Mundo, se te conhecemos,  porque tanto desejamos  teus enganos?  E, se assim te queremos,  muito sem causa nos queixamos  de teus danos.  Tu não enganas ninguém,  pois a quem te desejar  vemos que danas;  se te querem qual te … Continuar a ler

Publicado em Luís Vaz de Camões | Etiquetas , , , , , | Publicar um comentário

‘Não Pode Tirar-me as Esperanças’ de Luís de Camões

Busque Amor novas artes, novo engenho Pera matar-me, e novas esquivanças, Que não pode tirar-me as esperanças, Que mal me tirará o que eu não tenho.   Olhai de que esperanças me mantenho! Vede que perigosas seguranças! Que não temo … Continuar a ler

Publicado em Luís Vaz de Camões | Etiquetas , , , | Publicar um comentário